segunda-feira, 9 de abril de 2012

O Diário de Elizabeth - Capítulo 8

 A descoberta de Elizabeth me levou a dúvidas...essa história vale a pena mesmo ser lida ? E Elizabeth me respondia através de seu sofrimento. Em alguma palavra que estava escrita ali, me pedia ajuda. Ainda vou descobrir o que Josué escondia e o que Elizabeth queria transmitir.
 Fechei o diário e escutei passos em volta do jardim. Era Justin que acabara de sentar ao meu lado.
- O que lê tanto nesse caderno ?
- Não sei dizer ainda - disse o trancando.
- Quero te mostrar um lugar, vem - ele se levantou e estendeu a mão pra mim.
 Ultimamente Justin tem agido de uma forma estranha. Ele não parecia ser mais o garoto arrogante de antes. Decidi confiar nele. Assim que me levantei e peguei sua mão, um sorriso brotou de seus lábios.
 Passamos por uns arbustos entre a floresta. Estava no meio dia, mas ainda continuava meio escuro por causa das árvores. Fizemos ao longa caminhada e só depois notei o barulho das águas que vinha mais a frente. Ele sorriu e me puxou pra que andássemos mais rápido.
- Que lugar é esse ? - perguntei quando chegamos.
- An...eu descobri esse lugar a pouco tempo. Só sei que ninguém vem aqui.
 Larguei sua mão e me aproximei da cachoeira, onde a água caia bruscamente em um pequeno lago.
- Porque me trouxe aqui ? - parei pra olhar em seus olhos.
- Porque queria dividir com alguém - ele desviou o olhar rápido.
 Justin - assim como eu - tirou os sapatos e sentou na margem do lago.
 A água estava impecavelmente gelada e percebi que não era um  lago pequeno, pois não era nada raso.
 Depois de um tempo com os pés ali, reparei no silêncio de Justin. Ele estava calado demais, quieto demais.
- Quer entrar ? - perguntei me virando pra ele.
 Ele negou.
- Não tem graça ficar só batendo os pés - me estiquei pra mais perto do fundo e ele segurou minha mão, me impedindo - o que foi ?
- É melhor não entrar.
- Porque ?
- Talvez seja...perigoso.
- Perigoso ? - ri - é só um lago e eu sei nadar.
 Ele olhou diretamente pra mim e gelei com sua expressão. Justin parecia furioso com a minha teimosia.
- Nunca entrou aqui ?
 Ele negou novamente.
- Então vem comigo. Não deve ser tão perigoso.
 Ele soltou minha mão se levantando. Fiz o mesmo. Não soltei o diário pra nada.
- Eu não posso entrar ai - ele dizia de costas pra mim.
- E porque não ? - assim que toquei seu ombro ele se virou irritado. Assustei com isso e acabei dando um passo em falso pra trás caindo dentro do lago.
 A única coisa que vi foi ele tentando me segurar - sem sucesso.
 Como percebi antes o lago não era nada raso, e pela superfície parecia ser calmo, e quanto mais a água me levava pra perto da cachoeira, mais violenta ficava. Tentei nadar pra cima, fazendo o diário de remo. Mas o medo me dominava e fazia com que eu perdesse minhas forças. Olhei pra todos os lados em busca de algo que me fizesse subir, mas a única opção que encontrei era parar de lutar contra a força das águas e segui-las. Não sei pra onde eu iria, mas a única coisa que importava naquele momento, era que eu ainda estava respirando.
_______________________________________
OBRIGADAAAAAAAAAAAAA pelos comentários, não sei como ainda tenho leitoras. eu sou uma péssima escritora eu sei, mas me perdoem, andei tendo uns probleminhas ai - que estava me distanciando do Jus - mas NEVER que perco bieber FEVER. então espero que gostem desse mísero capítulo. *-*

3 comentários:

@BiebsMarido disse...

ela não vai morrer, mas ai o Justin vai ter que fazer respiração boca a boca com ela :| continua logo, quero saber como ela vai ser salva *O* besitos

@sweet_lovatic2 disse...

NOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOSSA ! amei amei amei , se vc não se lembra de mim eu sou a @sweetbelieber2 , esqueci o URL do seu blog ! sorry :) mas ta muito linda !

Anônimo disse...

OMG! Tá muito per!!!!! Ela n sabia nadar?? Cade o justin frouxo pra salvar ela uai?? Pq ele nao podia entrar? .-.

@MyWorld_NSN